Esqueceu a senha? Clique aqui

Cadastre-se

ANEEL premia projeto de eficiência energética automatizado com o Elipse E3

09/10/2017

Entre os dias 2 e 4 de agosto, a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) promoveu o V Seminário de Eficiência Energética no Setor Elétrico (SEENEL), na sede da Energisa Paraíba, em João Pessoa (PB). Durante o SEENEL, considerado um dos maiores eventos de inovação e eficiência do setor elétrico brasileiro, o projeto do novo sistema de iluminação do Shopping Iguatemi Caxias do Sul (RS), financiado pela Rio Grande Energia (RGE) e automatizado com o E3, solução SCADA da Elipse Software, foi agraciado com o prêmio de melhor trabalho técnico em eficiência energética.

 

Figura 1. Tela inicial da aplicação do E3

Figura 1. Tela inicial da aplicação do E3 para controle da nova iluminação do Iguatemi Caxias

O E3 permite controlar remotamente todos os 118 circuitos elétricos que constituem o sistema de iluminação do Iguatemi Caxias. Na tela inicial, o usuário pode acessar as telas de controle da rede ou iluminação. Na primeira, é possível monitorar a comunicação efetiva do E3 com os dispositivos da rede de automação do sistema. Caso um dos pontos na tela apareça na cor verde significa que a comunicação naquele local está funcionando normalmente. Já se aparecer piscando em vermelho, a comunicação apresenta problemas, gerando um alarme cujos detalhes são exibidos na margem inferior esquerda da tela de controle da iluminação.

 

Figura 2. Controle da comunicação do E3 com os dispositivos da rede de automação do sistema

Figura 2. Controle da comunicação do E3 com os dispositivos da rede de automação do sistema

Nesta outra tela, o E3 permite monitorar a potência em tempo real e a iluminação nos corredores do shopping, onde cinza representa que as luzes estão apagadas; amarelo, ligadas e piscando em vermelho, com problemas, gerando um alarme cujos detalhes são exibidos na margem inferior esquerda do mapa. Ainda nela, é possível emitir relatórios históricos dos alarmes e potências, que podem ser impressos e exportados em pdf, assim como gráficos das potências registradas nas últimas 24 horas. No mapa, é possível também visualizar o horário registrado pelo CLP central e acessar as telas para controle da iluminação junto a cada quadro de automação (QA) ou distribuição (QD) via um simples clique nos botões que os representam.

 

Figura 3. Controle da iluminação do Iguatemi Caxias

Figura 3. Controle da iluminação do Iguatemi Caxias

Uma vez clicado o botão QA-103, por exemplo, o E3 abre uma outra tela na qual é possível monitorar o estado de funcionamento das luminárias cuja automação é realizada pelo respectivo quadro, onde bloco verde representa que estão ligadas; cinza, desligadas e piscando em vermelho, com problemas. O E3 também permite ligar/desligar cada conjunto de luminárias de forma isolada via um simples clique sobre um ou mais blocos ou de forma mais abrangente por meio dos botões dos grupos. Ao clicar sobre o botão <Grupo1>, por exemplo, é possível ligar ou desligar todas as luminárias existentes nos blocos posicionados na linha horizontal a sua esquerda.

 

Figura 4. Controle das luminárias automatizadas via o QA-102

Figura 4. Controle das luminárias automatizadas via o QA-102

Nesta mesma tela, o software da Elipse exibe ainda a potência assinalada em tempo real e um timer, através do qual é possível definir os horários que as luzes deverão ser ligadas ou desligadas nos turnos da manhã, tarde e noite. Caso o usuário deseje ligar, por exemplo, as luminárias de um ou mais blocos às 15h, basta colocar este horário no timer e depois clicar na segunda das três lacunas posicionadas na margem superior dos blocos que pretenda controlar. Para desligá-las, é só clicar sobre a lacuna novamente de modo a apagar o sinal de visto alusivo ao comando ligar. Ainda nesta tela, o E3 monitora se há um sincronismo com o CLP mestre, permitindo ajustá-lo se necessário, a fim de evitar falhas no sistema.

Para Maurício Sirtoli, supervisor de manutenção da Manserv, empresa contratada para fazer o mesmo serviço no Iguatemi Caxias, a automação via E3 trouxe um ganho muito grande em agilidade e segurança. Segundo ele, tarefas que antes demandavam mais de 1 hora para serem executadas, agora, com o software, são realizadas em segundos.

“Antes, levávamos cerca de 1h30 a 2h para ligarmos manualmente todas as lâmpadas. Agora, com o E3, conseguimos fazer isto em segundos, via um simples comando remoto que pode ser realizado tanto do computador quanto do celular”, afirmou Sirtoli.

O projeto que consistiu na automação com o E3 e troca de 4.100 lâmpadas por outras de tecnologia LED contou também com as participações das empresas Instalwatt Instalações Elétricas e Strassburger Engenharia. Ao todo, foram investidos R$ 998.083,95, proporcionando uma economia de energia de 462,42 MWh/ano e redução de demanda na ponta de 118,16 kW ao Iguatemi Caxias, números que credenciaram o projeto à conquista deste importante prêmio da ANEEL.